quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Livros Infantis Antigos: (1859 - 1904) O Macaco e o Moleque - Wilhelm Busch


Por Andreia Marques 




Dados originais das histórias:
Autor e ilustrador: Heinrich Christian Wilhelm Busch (W. Busch)
Ano: (Essas histórias foram escritas entre 1859 e 1904)

Dados de publicação no Brasil:
Título: O Macaco e o Moleque e Outras Estórias
Tradutores: Guilherme de Almeida e M. T. Cunha
Editora: Edições Melhoramentos / Série Juca e Chico 
Ano: 1982


Sobre o livro: 
O livro O Macaco e o Moleque trata-se de uma coletânea de histórias de Wilhelm Busch.  E como os textos deste ilustre escritor são sempre intrigantes, estes não fogem à regra. Intrigantes porque seus personagens são, geralmente, bem maquiavélicos e possuem finais bastante trágicos. Na primeira história, por exemplo, um menino tenta pregar uma peça desumana em um macaco que descansava sob um pedestal, queimando sua cauda com um cachimbo. Tamanha crueldade se reverteu para o pequeno, pois o macaco voltou-se com toda fúria e deu uma lição em seu algoz.



As ilustrações de W. Busch expressam bastante movimento, mas seus personagens não tem nada de belo. Usualmente são bem feios, desengonçados e narigudos.



É claro que os textos foram escritos em uma época em que as histórias para as crianças utilizavam-se muito do recurso da crueldade para educar, como acontecia nas obras dos Irmãos Grim, onde seus personagens eram mortos ou torturados para serem punidos. É certo que precisariam ser modificados para que, hoje, fossem recomendados ao público infantil.


Sobre o autor e ilustrador:
Heinrich Christian Wilhelm Busch nasceu na Alemanha em 1832 e morreu em 1908. Era poeta, pintor e caricaturista. Max and Moritz foi o seu primeiro livro publicado. É considerado o percursor dos quadrinhos.


Trecho do livro:
“- Boa viagem! Grita a esposa. E avisa: ‘Não te esqueças! Por dia uma camisa!’
- Ah! Que viagem longa! Mas que sova! Já vou vestir uma camisa nova.
Vejam que roupa clara e perfumada
Por minha esposa foi tão bem dobrada!
Como faz minha mala com amor!
- Vens, camisas, a calhar, com tal calor!”


Fontes:
- http://pt.wikipedia.org/wiki/Wilhelm_Busch
- http://de.wikipedia.org/wiki/Wilhelm_Busch




Um comentário:

  1. Awwwn, que fofo *___*
    Beijos!

    http://livro-apaixonado.blogspot.com.br

    ResponderExcluir